segunda-feira , 12 novembro 2018

Home » Resenhas » Álbuns » MALEFACTOR – “Sixth Legions” (Black Order Productions – 2017)

MALEFACTOR – “Sixth Legions” (Black Order Productions – 2017)

novembro 5, 2018 8:30 pm by: A+ / A-

Antes de partir para minhas impressões sobre o sexto álbum do Malefactor se faz necessário algumas considerações a respeito do momento atual da banda. Quem acompanha a trajetória da banda e a estima, como eu por conhecer de perto seus integrantes, sabe que houvera um racha monumental na formação da banda com a saída traumática do baterista Alemão (um cara que gosto de graça), o baixista Roberto Souza e o tecladista Chris Macchi – ambos por solidariedade ao Alemão e no caso do Roberto este ao que parece rompeu de vez relações com os membros remanescentes , tanto que em um documentário feito pela comemoração dos vinte e cinco anos da banda tanto Alemão como Roberto se recusaram em participar, já o Chris foi lá e deu seu recado.

Com tudo isto o vocalista Lord Vlad assumiu o posto de baixista e com esta formação enxuta a banda partiu para a gravação de “Sixth Legion” contratando o exímio baterista Thiago Nogueira (que na minha opinião é o cabra que melhor desempenha a função no Metal no Brasil). Pois muito bem, dito tudo isto você ai do outro lado da tela quer saber o que este old banger e fã declarado da banda (junto ao Miasthenia e Mythological Cold Towers formam o 3M da criatividade do Metal nacional, é o que penso), tem a dizer sobre “Sixth Legion”.

Gosto da banda e tudo que produziram ao longo de sua trajetória, mas posso afirmar sem sombras de dúvidas que a banda aqui alcança seu ápice, formação enxuta, mas que soube aproveitar ao máximo da dupla de guitarristas formada pelo Jafet Amoêdo e Danilo Coimbra e acentuou ainda mais sua veia de Metal Tradicional, claro que ainda com toques de Death e Black Metal aqui e acolá, todavia claramente ainda mais Metal tradicional como podemos vislumbrar ouvindo “The Styx River”, por exemplo.

A riqueza lírica se faz presente mais uma vez afinal a banda tem um privilégio de ter um Bacharel em História como letrista, Lord Vlad, que aqui mais uma vez mostra seus dotes e manda ver como na excelente “Counting the Corpses” que retrata o período das guerras púnicas entre a República Romana e seus inimigos de Cartago; ouso dizer que o Malefactor nos trouxe seu melhor álbum até aqui (foda-se se estou sendo redundante já que afirmei acima rsrsrsrs). Putz como não afirmar isto ao ouvir “Counting the Corpses”, “The Styx River”, “Sodoma & Gomorra” e o cover do Horrified “Down at the Valley of the Great Encounter”. Se tu se consideras um Headbanger e não bater cabeça nestas então desista amigo, não passas de um poser!!

https://www.youtube.com/watch?v=HtF0z0tikZ4

Por: Jaime “TheMetalVox” Amorim

MALEFACTOR – “Sixth Legions” (Black Order Productions – 2017) Reviewed by on . Antes de partir para minhas impressões sobre o sexto álbum do Malefactor se faz necessário algumas considerações a respeito do momento atual da banda. Quem acom Antes de partir para minhas impressões sobre o sexto álbum do Malefactor se faz necessário algumas considerações a respeito do momento atual da banda. Quem acom Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com