sexta-feira , 16 novembro 2018

Home » Resenhas » Vinil » 7"ep » ERASY – “Under the Moonlight” (Doom Stew Records – 2018)

ERASY – “Under the Moonlight” (Doom Stew Records – 2018)

setembro 1, 2018 12:19 am by: A+ / A-

Criada em 2013 na cidade de Feira de Santana, a Erasy é uma banda de Stoner, Doom e Sludge Metal que começou quando um grupo de amigos com preferências musicais em comum decidiu se reunir eventualmente para tirar uns sons, homenageando seus ídolos em versões cheias de peso e também se aventurando a construir seu repertório próprio. Esses esforços autorais culminaram com o álbum “The Valley of Dying Stars”, lançado no final de 2016 e celebrado entre críticos do Metal underground do Brasil e do exterior, mesmo sem um plano especial de divulgação.

Devido ao sucesso do disco de estreia, o grupo formado por Luciano Penelu (voz), Leandro D’Carvalho (guitarra), Joilson Santos (baixo) e Gilmar Vurmun (bateria) atraiu o interesse de uma gravadora californiana chamada Doom Stew Records, que se ofereceu para promover seu próximo lançamento. O fruto desta parceria é “Under the Moonlight”, um EP de apenas duas novas canções que mostram, em comparação com o trabalho anterior, uma série maior de variações e recursos dentro de gêneros que os músicos conhecem profundamente como ouvintes e que há muito dominam tecnicamente.

A primeira faixa é a homônima “Under the Moonlight”. Um dedilhado sombrio anuncia uma história de devoção e maldição em uma aldeia desconhecida, onde o poder pertence àqueles que se fartam no oculto. A estrutura simples e o uso de imagens exploradas exaustivamente no Rock/Metal ocultista podem enganar os desatentos, mas esta letra nos permite enxergar, além dos clichês, uma celebração à busca temerária pela sabedoria.

A parte instrumental, ao contrário, não tem como ser mais característica do Doom Metal. Os riffs foram preparados na fábrica que Tony Iommi abriu há quase 50 anos, a cozinha é encorpada e o andamento é arrastado, sobretudo, nos dois minutos finais. Nos vocais gritados, a influência principal vem do Sludge, e a partir daí podemos ter uma ideia de como soaria uma canção do Acid King cantada pela voz do Crowbar. O resultado é tão bom quanto o das primeiras composições da Erasy, as excelentes “Hollow” e “Living Hell”.

Na outra faixa, “The Deal”, Erasy tem sua melhor desempenho nestes cinco anos de carreira. Joilson e Gilmar se favorecem de seu nível elevado de entrosamento e imprimem um ritmo menos previsível, fazendo desta canção a mais elaborada que o grupo gravou. Penelu interpreta como nunca ao cantar sobre uma vida vazia de perspectivas, para a qual só há um destino possível. D’Carvalho toca de uma forma que orgulharia Dimebag Darrell e Matt Pike, com direito um solo que não esconde a inspiração blueseira já existente em “The Valley of Dying Stars”.

“Under the Moonlight” chega disponível nas plataformas digitais e em formato físico (vinil 7’’), fazendo justiça à qualidade da música e à linda arte de Abacrombie Ink, ilustrador reconhecido na cena metal. É um trabalho que merece ser ouvido muitas e muitas vezes, de uma banda que, com toda certeza, nada deve às últimas revelações gringas do Stoner/Doom.

Por: Ana Clara Teixeira

ERASY – “Under the Moonlight” (Doom Stew Records – 2018) Reviewed by on . Criada em 2013 na cidade de Feira de Santana, a Erasy é uma banda de Stoner, Doom e Sludge Metal que começou quando um grupo de amigos com preferências musicais Criada em 2013 na cidade de Feira de Santana, a Erasy é uma banda de Stoner, Doom e Sludge Metal que começou quando um grupo de amigos com preferências musicais Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com