sábado , 18 agosto 2018

Home » Resenhas » Álbuns » STORMTHRASH – “Systematic Annihilation” (TheMetalVox Recs & Distro – parceiros, 2018)

STORMTHRASH – “Systematic Annihilation” (TheMetalVox Recs & Distro – parceiros, 2018)

julho 30, 2018 9:07 pm by: A+ / A-

Venezuela: um país, no mínimo, nebuloso. Apesar de todos sabermos que o panorama de lá não é bom, dependendo do posicionamento político do interlocutor chegam ao nosso conhecimento relatos que se de um lado tiram um pouco da gravidade da situação, por outro exprimem um estado catastrófico, verdadeiramente apocalíptico, de fome e miséria naquela nação.

Boatos são sempre boatos, amigos, e não podemos nos ater a eles… assim, hoje venho trazer uma informação acerca da Venezuela baseada em fatos e provas: O THRASH METAL VENEZUELANO RESPIRA! Digo isto, porque estou estarrecido com a qualidade do debut da banda Stormthrash, natural de Caracas, intitulado “Systematic Annihilation” (2017).

O Stormthrash nos apresenta no aludido álbum 10 faixas do melhor thrash metal, com riffs matadores e grudentos, uma cozinha competente (muito competente, prestem atenção nas viradas de bateria e nas linhas de baixo de músicas como na faixa 7, título do trabalho). No topo disso tudo tem-se um vocal old school com timbre rouco, que emprega de maneira competente os falsetes consagrados neste estilo musical por músicos como Schmier e Mark Osegueda.

Salta aos olhos a qualidade técnica dos músicos, o que se reflete principalmente na estrutura rítmica das composições. Em “Systematic Annihilation” não há somente pancadaria e velocidade, mas músicas que crescem, com introduções bem construídas e desenvolvimentos que alternam entre passagens agressivas e interlúdios cadenciados. Vejam, por exemplo, a faixa 5 “Life of Suffering”, que, além desses elementos, apresenta um belo solo em tapping dotado de bastante personalidade.

O conteúdo lírico é eminentemente de protesto contra os meios de manipulação das massas, o que pode ser evidenciado, por exemplo, na faixa título ou na faixa 2 “Don’t Learn to Be a Corpse”. Há também letras que denotam caos, sofrimento e escuridão, como em “Dark Days”. Será que é um relato da atual situação do país??? O Brasil não fica muito atrás…

Meu veredito é o de que trata-se de um disco excelente, sólido e maduro, que vem para consagrar o Stormthrash como uma das potências do Thrash Metal sul americano. Se tenho críticas a fazer? Besteiras, como um ajuste no sotaque de Alejandro, um pouco desajeitado em certas passagens. Trivialidade que não retira o brilho desta obra, nem sei se é justo tecer essa crítica, na verdade. Enfim, espero de todo o coração que as coisas melhorem na Venezuela e que a banda prospere, pela sua qualidade e pelo seu merecimento.

Por: Davi Ludovico

STORMTHRASH – “Systematic Annihilation” (TheMetalVox Recs & Distro – parceiros, 2018) Reviewed by on . Venezuela: um país, no mínimo, nebuloso. Apesar de todos sabermos que o panorama de lá não é bom, dependendo do posicionamento político do interlocutor chegam a Venezuela: um país, no mínimo, nebuloso. Apesar de todos sabermos que o panorama de lá não é bom, dependendo do posicionamento político do interlocutor chegam a Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com