quarta-feira , 13 dezembro 2017

Home » Resenhas » Álbuns » GREY WOLF – THE BEGINNING (Arthorium Records – 2017)

GREY WOLF – THE BEGINNING (Arthorium Records – 2017)

novembro 23, 2017 6:00 pm by: A+ / A-

Metalbrothers eu fico feliz em ver um projeto, já que o Grey Wolf na verdade é o alter ego do Fabio Paulinelli (seu criador e mentor), que ao longo de metade de uma década tenha lançado uma quantidade tão vasta de material.

Pensando nisto que esta compilação reuniu várias demos e algumas musicas de alguns shows e mais uma música nova para que aqueles ainda não conhecem o Heavy Metal Épico do Grey Wolf. Tudo foi remasterizado/mixado para que a sonoridade ficasse, e ficou, ainda mais matadora.

Portanto fás de Grave Digger, Manowar, Runnig Wild, Capricorn não percam tempo e conheçam o Grey Wolf através desta compilação. Em relação a musica nova o nível mantido e patente você se sentir transportado para outra era, onde somente os bravos e brutos sobreviviam. Hail Grey Wolf.

Arthorium mais uma vez caprichando em seus lançamento com encarte bastante extenso e que permita ao metalhead contemplar e entender o desenrolar dos lançamentos da banda ao longo do tempo, parabéns!!

Por: Jaime “TheMetalVox” Amorim

GREY WOLF – THE BEGINNING (Arthorium Records – 2017) Reviewed by on . Metalbrothers eu fico feliz em ver um projeto, já que o Grey Wolf na verdade é o alter ego do Fabio Paulinelli (seu criador e mentor), que ao longo de metade de Metalbrothers eu fico feliz em ver um projeto, já que o Grey Wolf na verdade é o alter ego do Fabio Paulinelli (seu criador e mentor), que ao longo de metade de Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com