segunda-feira , 20 novembro 2017

Home » Resenhas » Álbuns » LUXÚRIA DE LILLITH – A VOLÚPIA INFERNAL (Cold Art Industry – 2017)

LUXÚRIA DE LILLITH – A VOLÚPIA INFERNAL (Cold Art Industry – 2017)

novembro 2, 2017 6:00 pm by: A+ / A-

Quase que eu entro, através do meu humilde/pequeno selo, neste relançamento do debut álbum da banda goiana de Black Metal (com alguns toques melódicos, mas nada que a caracterize como Melodic Black Metal descrito no Metal Arquives). Mas ressabiado com o responsável pelo projeto, já que este havia ME ENGANADO quando do lançamento do terceiro álbum da banda mineira Mortiger Rage, declinei do “convite” já que agira de forma desonesta me pondo junto com um notório rip off. Fez a mesma coisa com a Cold Art Industry, enganou seu manager.

Mas foda-se esta gente safada e vamos ao álbum em si; até que soube proporcionar aos metalheads um material decente, digipack e com um bônus track. Confesso que até então prestei pouca atenção à banda e perdi a oportunidade de assisti-la em um show na capital do meu estado, Salvador.  O Black Metal ora apresentado tem algumas nuances melódicas mas e dai? Por que não? Ainda mais que no caso particular do Luxúria de Lillith a banda sabe dosar esta faceta e ainda mantém sua áurea malévola intacta. Agradou bastante este old banger e olha que ouvi comentários negativos sobre a banda de gente que se diz blackmetaller; mas com a trajetória que tenho não confio mais em ninguém e sim no meu instinto e ouvidos. Muito bom e recomendo para os que apreciam ou não Black Metal, ótimo álbum.

Obs: gostaria de ressaltar que nem todos os selos envolvidos neste lançamento são comandados por rip offs e ou gente desonesta, que fique claro. Agradeço ao manager da Cold Art pelo prestígio e confiança, espero que nos seus próximos lançamentos não entre em roubadas desta natureza. Temos que separar o joio do trigo!!!

https://www.youtube.com/watch?v=3VKuJkbzK3c

Por: Jaime “TheMetalVox” Amorim

LUXÚRIA DE LILLITH – A VOLÚPIA INFERNAL (Cold Art Industry – 2017) Reviewed by on . Quase que eu entro, através do meu humilde/pequeno selo, neste relançamento do debut álbum da banda goiana de Black Metal (com alguns toques melódicos, mas nada Quase que eu entro, através do meu humilde/pequeno selo, neste relançamento do debut álbum da banda goiana de Black Metal (com alguns toques melódicos, mas nada Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com