domingo , 19 novembro 2017

Home » Entrevistas » MARTYRDOM – o cortejo fúnebre passa….

MARTYRDOM – o cortejo fúnebre passa….

maio 4, 2017 7:30 pm by: A+ / A-

Martyrdom - Logo (Ouro Velho)

Esta Cult band baiana tem uma trajetória de vinte um anos dedicados ao mais obscuro e lúgubre Death/Doom Metal. Suas apresentações são carregadas de toda uma áurea mística que hipnotiza o público e arrebanha cada vez mais fãs. Convocamos o carismático vocalista Elimar “Amraking” Oliveira para esclarecer algumas nuances sobre a banda e seus planos.

1 – A Martydom é uma banda com vinte e um anos de existência, todavia nesta sua trajetória produziu muito pouco material sonoro, o que “barrou” a banda neste ínterim?

Elimar “Amraking” Oliveira (vocal & Keys) – Saudações HellBrothers leitores deste lendário webzine e MetalEvilBrothers que acompanha o nosso Cortejo Fúnebre!!!! Bom, pra nós sempre foi tudo muito difícil, talvez ainda mais em relação a outras bandas, mas enfim, eu poderia resumir que nossos poucos lançamentos estão diretamente ligados a nossa formação que passou por inúmeras mudanças, a ausência de estúdios de qualidade em nossa cidade (o que felizmente já não é mais um problema), e também nossas limitações financeiras…

2 – Realmente as mudanças de formação atrapalham e muito, se não me engano a banda por conta disto também por algumas teve suas atividades paralisadas, correto?

Elimar – Fomos obrigados a paralisar as apresentações, mas ficamos nesse período buscando uma forma de produzir e compor diante da nossa realidade, relutamos muito para, por exemplo, para nos apresentarmos com apenas uma guitarra por exemplo, mas no decorrer do período que trabalhamos com essa formação, com uma guitarra, adaptamos as canções para que não ficasse estranhas ao vivo e assumi definitivamente os vocais, então decidimos que poderia ser assim… Até que atualmente estamos com uma segunda guitarra, mas decidimos que a trajetória do Martyrdom não deve ser interrompida por conta dessas questões…

3 – Toda banda tem um líder, aquele que resolve, que é a força motriz que a faz seguir adiante. Hoje você desempenha este papel muito bem. É um líder nato e aliado a sua famosa paciência vejo a banda progredir. Sem querer desmerecer ninguém do passado isto não ocorria por diversos problemas, mas com você a banda está à caminho de finalmente ter um álbum lançado.

Elimar – Agradeço suas palavras Jaime, e concordo sim, todo projeto precisa que alguém assuma o papel de pelo menos organizador das ideias, no nosso caso as decisões sempre foram tomadas de acordo com o desejo de todos ou pelo menos com a maioria concordando. Eu acho que esse momento em que estamos com nossos projetos e planos acontecendo de forma dinâmica se dá por conta da vontade de todos em fazer as coisas acontecerem. Também somos gratos a todos que passaram por nossa história e cada um deixou sua contribuição em seus momentos. Eu tenho certeza que nada que está acontecendo hoje seria possível sem a contribuição de todos em suas épocas….

4 – Você sempre conciliador! Vamos em frente, é líder e faz acontecer kkkk. Agora tem um aspecto que sempre acompanhou a Martyrdom em suas apresentações, todo show é praticamente um ritual, ou como você mesmo afirma um cortejo fúnebre. Este foi acentuado com sua ida para o vocal e também com toda uma áurea mística que é feita no palco: você com rosto maquiado, vestimenta de um monge negro, castiçais e velas acesas e demais membros todos de negro.

Elimar – Bom, eu realmente acredito que uma apresentação nossa precisa envolver toda a atmosfera que nossas canções exalam. Todo o sentimento estaria incompleto se não fosse reproduzido o cenário melancólico e sombrio ao vivo. Não quero afirmar que todas as bandas deveriam trazer pra suas apresentações a representação de suas ideias ou conceitos, mas para o Martyrdom ficaria um vazio extremo se não tivesse um cenário sombrio em nossas apresentações…

5 – Como você mesmo afirma: “cortejo fúnebre”! Agora me corrija se estiver errado, liricamente a essência desde seus primórdios foi mantida?

Elimar – Foi mantida sim Jaime, desde os primórdios, até antes da minha entrada no Martyrdom que o conceito lírico era baseado em ocultismo e civilizações antigas; a morte e toda sua áurea mística, a sabedoria antiga e deturpada por falsos dogmas e líderes religiosos corruptos.

2016-2017

6 – Conceito este que foi transposto para a arte gráfica do EP recentemente lançado e que também será usado no debut álbum. Inclusive a banda preferiu prestigiar um design da cidade assim como está finalizando a gravação do debut em um estúdio local.

Elimar – Exatamente, estamos em processo de gravação do nosso debut-álbum “Ritual Místico de Adoração à Sabedoria Ancestral” e toda a produção está sendo trabalhada aqui em nossa cidade; o estúdio é dirigido por nosso amigo irmão Alexandre Damas que também está produzindo junto conosco; o conceito gráfico está sendo trabalhado por nosso amigo irmão Claudio Santos (Putrid Design), então isso também nos deixa bastante orgulhosos!!! Uma prévia do que está por vir, tanto musicalmente tanto a produção gráfica pode ser conferida no ep que lançamos recentemente “Culto Primitivo à Morte”…

7 – Em relação ao track list, quantas musicas este trará?

Eimar – “Ritual Místico de Adoração à Sabedoria Ancestral” será composto por sete musicas: “Sic Luceat Lux Nosce te Ipsum” (Intro), “Culto Primitivo A Morte”, “A Verdadeira Inquisição”, “TetraGrammaTon”, “Nokturna”, “Sóter Lux Ocvlta” e “O Último Sofrimento d´Alma” (Outro).

8 – E o lançamento, tem alguma previsão de quando isto irá ocorrer?

Elimar – No momento estamos regravando a bateria o que pode atrasar um pouco dentro do cronograma que imaginamos. Vamos aproveitar para revisar tudo que já foi feito para poder ser lançado exatamente como desejamos; como ficamos tanto tempo para lançar nosso primeiro álbum queremos que este sintetize toda a atmosfera que as canções do Martyrdom se propõe a passar… A paciência que você atribuiu a mim anteriormente Jaime está sendo importante para esse momento nosso, só vamos finalizar esse material quando este realmente estiver do jeito que queremos….

9 – Como admirador de Doom Metal que você é, fã do Clandlemass, nos diga. Sua indumentária tem inspiração naquela usada pelo saudoso Messiah Marcolin?

Elimar – É inspirado no que ela representa pra mim entende???? Sou um grande fã do Candlemass sim como também da performance e da interpretação de Messiah Marcolin às canções, mas existe algo ainda mais forte do que simplesmente a indumentária entende? É algo tipo o que ela representa, a magia lúgubre, o misticismo que envolve, a sintonia entre música e conceito….

10 – Captado. Agradeço o tempo cedido em elucidar algumas questões pertinentes à banda e seus projetos. Fique à vontade para mandar sua mensagem final aos nossos visitantes.

Elimar – Jaime meu irmão, nos conhecemos de longas datas, você sempre apoia o cenário Metal Underground de forma ímpar, com o zine, agora também com selo. Pra nós do Martyrdom e principalmente pra mim é uma grande honra estar imortalizado nas páginas do lendário TheMetalVox!!!!! Agradecemos a todos que dispensaram alguns minutos de suas vidas corridas para acompanharem essa conversa, saibam que o Heavy Metal Underground deve ser sempre uma grande e poderosa corrente onde todos colaboram com o que o podem. Apoiem a cena, compareçam em eventos, adquiram cd´s, demos, zines, diretamente com as bandas como também com selos e distros!!!! Juntos seremos sempre mais fortes!!! Grande abraço a todos e mais uma vez Jaime muito obrigado!!! Estaremos sempre a disposição!!!!!! O Cortejo Fúnebre segue sua melancólica e sombria jornada rumo ao Abismo das Sombras.

https://martyrdom.bandcamp.com/

Por: Jaime “TheMetalVox” Amorim

MARTYRDOM – o cortejo fúnebre passa…. Reviewed by on . Esta Cult band baiana tem uma trajetória de vinte um anos dedicados ao mais obscuro e lúgubre Death/Doom Metal. Suas apresentações são carregadas de toda uma áu Esta Cult band baiana tem uma trajetória de vinte um anos dedicados ao mais obscuro e lúgubre Death/Doom Metal. Suas apresentações são carregadas de toda uma áu Rating: 0
scroll to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com